Shopping Cart
 x 
Carrinho vazio
Autenticar Registar

Login to your account

Username *
Password *
Remember Me

Create an account

Fields marked with an asterisk (*) are required.
Name *
Username *
Password *
Verify password *
Email *
Verify email *

Artigos

Ideias organizadas sobre temas interessantes

O que é um plano estratégico para um clube desportivo?

Votos do utilizador: 0 / 5

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 

Mas afinal o que é um plano estratégico para um clube desportivo? Neste artigo vou tentar explicar de modo breve o que é e para que serve este documento.

Um planeamento estratégico é um processo de gestão definido num documento estruturado onde é feita uma análise da realidade histórica e actual de uma determinada organização (interna e externamente), e, com base nessa análise e nos objectivos delineados, se propõe um conjunto de estratégias e programas de acção que, a serem implementados com as directrizes indicadas, conduzem a organização à consecução dos objectivos delineados.

Este documento não se limita a identificar um conjunto de objectivos, propondo um conjunto de estratégias para os alcançar.

Estas estratégias são propostas com base no estudo que o documento encerra de modo a que o processo tenha coerência e sustentação.

O planeamento estratégico tem esta particularidade que é considerar a situação histórica da organização para compreender a actual e com base nestas duas projectar uma situação futura desejada que implica necessariamente alterações ao que está mal.

Há autores que colocam em dúvida o Planeamento Estratégico, mas pode ser unicamente um problema de semântica, por dar-se ao termo “planeamento”, a acepção clássica de desenhar o futuro como prolongamento do passado. Não é este o sentido que devemos dar ao mesmo.” (Navaza, 2008, p. 37)

A implementação de um Plano Estratégico torna-se ideal com a adopção de um sistema de gestão estratégica, processo que envolve os gestores de todos os níveis da organização, que formulam e implementam objectivos estratégicos departamentais.

Os sistemas de direcção baseados em Planificação Estratégica enfrentam actualmente o problema da instabilidade do envolvente económico, sendo que um Planeamento Estratégico é adequado para implementação em ambientes económicos com grande frequência de alterações mas de certo modo estáveis.

A instabilidade dos ambientes económicos da actualidade não inviabiliza a utilização eficaz de planeamentos estratégicos, devendo no entanto ser tomada em consideração o âmbito do plano e a sua duração, sendo uma ferramenta muito eficaz para períodos de tempo curtos (6 meses a 1 ano) ou médios (máximo 3 anos), tratando-se de projectos muito específicos.

Uma outra questão da validade do Planeamento Estratégico surge na questão: o que acontece se não se planear? Talvez nada, até pode ser que se obtenha êxito; todavia, sem um plano:

  • Há mais possibilidade de improvisar;
  • Existe um maior grau de incerteza;
  • Depende-se em maior grau da sorte;
    (Navaza, 2008, p. 37)

A implementação do plano deve ser faseada, tendo como condicionantes principais os custos envolvidos e o tempo necessário para concretização de cada acção.

Esta implementação é um trabalho em equipa de dimensão considerável e levará tempo a implementar cada uma das opções apresentadas.

Paralelamente haverá necessidade de formação dos vários colaboradores envolvidos.

O controlo é “A identificação e colocação em prática das acções correctivas para que os resultados reais se adeqúem aos previstos”. (Navaza, 2008, p. 121)

O controlo é uma das funções da direcção, com base em informações recolhidas junto de sócios e colaboradores. A qualidade da informação recolhida ditará a qualidade do controlo.

No controlo reside uma boa parte do sucesso de um Plano Estratégico.

No momento de concepção de programas e acções específicas, inseridas numa determinada estratégia para alcançar um determinado objectivo, são tomadas como base algumas condições que podem sofrer alterações com o tempo.

Por consequência, no momento de implementação desses programas, o efeito obtido pode não corresponder ao desejado por alteração dessas condições.

Assim, o grande mérito do controlo está na implementação dinâmica do Plano Estratégico, avaliando e repensando as estratégias, programas e acções no momento de entrada em funcionamento, de modo a garantir o sucesso e consecução dos objectivos.

 

"Se você tem uma laranja e troca com outra pessoa que também tem uma laranja, cada um fica com uma laranja. Mas se você tem uma ideia e troca com outra pessoa que também tem uma ideia, cada um fica com duas." Confúcio

 

Copyright

Todo o conteúdo deste website é propriedade de FormarMelhor e foi pensado para divulgar a nossa oferta de serviços e como apoio aos nossos formandos. Caso lhe interesse a utilização de algum dos conteúdos aqui disponibilizados, solicite autorização para o efeito.

Newsletter

Inscreva-se na nossa newsletter e receba informação sobre as mais recentes formações e conteúdos disponíveis.

Seja bem vindo a FormarMelhor e Boas formações!

Contactos

Telefone : 265 405 204
Telemóvel : 933 882 546 | 929 251 293
Email : email@formarmelhor.com

Escritório
Rua António José Batista, 43-B.
2910-400 SETÚBAL
Sala de formação própria
Estrada das Carrascas. Vale de Touros. CCI 7804.
2950-499 Palmela